Publicado por: José Irineu Nenevê | 22/07/2019

Ano X – 22/jul

“Eu lhes asseguro que onde quer que este evangelho seja anunciado, em todo o mundo, também o que ela fez será contado, em sua memória” (Mateus 26,13).

Jesus transformou a vida de Maria Madalena, perdoou e a abençoou. Em agradecimento, em Betânia, ela lava os pés de Jesus com perfume e enxuga com seus cabelos. Só um grande amor pode vencer preconceitos. Ela continuou a seguir Jesus. Esteve aos pés da cruz no Calvário, junto com Maria, mãe de Jesus e o apóstolo João. Ela que toma a iniciativa de ir embalsamar o corpo de Jesus no dia da Ressurreição e não encontra o corpo na tumba, mas encontra o próprio Cristo e conversa com Ele. A pedido dEle ela anuncia aos apóstolos que Jesus tinha ressuscitado. Ela foi considerada a apóstola dos apóstolos. Bom dia e Bom trabalho! (Reflexão feita por Jose Irineu Neneve).

Bom Dia!
(23 anos)

Anúncios
Publicado por: José Irineu Nenevê | 15/07/2019

Ano X – 15/jul

“O humilde não pode ser apanhado por nenhuma paixão, nem a ira pode molestá-lo, nem mesmo o desejo de glória” (São Boaventura, filósofo, teólogo e frade franciscano italiano, 1221-1274).

‘Se Deus dá ao homem somente a graça de poder amá-lo, isso basta… uma simples velhinha poderá amar a Deus mais do que um professor de teologia. ’ (idem). O pai de São Boaventura era um médico famoso, mas não conseguiu curar o seu filho, foi graças a São Francisco de Assis que ele foi curado, por isso o nome Boaventura. Foi um santo escritor das coisas de Deus na espiritualidade franciscana. Seus escritos lhe valeram o título de doutor da Igreja. Uma oração de São Boaventura para a vida:
 “Trespassai, dulcíssimo Senhor Jesus, a medula de minha alma com o suave e salutar dardo do vosso amor, com a verdadeira, pura e santíssima caridade, a fim de que a minha alma desfaleça e se desfaça sempre só com o amor e o desejo de Vos possuir; que por Vós suspire, e desfaleça por achar-se nos átrios da vossa casa; deseje separar-se do corpo para se unir a Vós. Fazei que a minha alma tenha fome de Vós, Pão dos anjos, Alimento das almas santas, Pão nosso de cada dia, cheio de força, de toda a doçura e sabor, e de todo o suave deleite.
Ó Jesus, a quem os anjos desejam contemplar, tenha sempre o meu coração fome de Vós, e o interior da minha alma transborde com a doçura do vosso sabor; tenha sempre sede de Vós, fonte de vida, manancial de sabedoria e de ciência, rio de luz eterna, torrente de delícias, abundância da Casa de Deus; que Vos deseje, Vos procure, Vos encontre; que para Vós caminhe e para Vós chegue; que em Vós pense, de Vós fale, e todas as minhas ações encaminhe para a honra e glória do vosso nome, com humildade e discrição, com amor e deleite, com facilidade e afeto, com perseverança até o fim; para que Vós sejais sempre a minha esperança, meu gozo, meu descanso a minha tranquilidade, minha paz, minha suavidade, meu perfume, minha doçura, minha comida, meu alimento, meu refúgio, meu auxílio, minha sabedoria, minha herança, minha posse, meu tesouro, no qual estejam sempre fixos e firme e inabalavelmente arraigados a minha alma e o meu coração. Amém”. Bom dia e Bom trabalho! (Reflexão feita por Jose Irineu Neneve).

Bom Dia!
(23 anos)

Publicado por: José Irineu Nenevê | 12/07/2019

Ano X – 12/jul

“A ideia é morrer jovem o mais tarde possível” (frase da internet).

Diante da curiosidade dos discípulos sobre a hora da morte, Jesus responde: “Quanto ao dia e à hora ninguém sabe; nem os anjos no céu, nem o Filho, senão somente o Pai” (Mc 13,32). Em outras palavras, viva da melhor maneira possível, pois o que passou está fora de nosso alcance, o futuro também, mas o presente é um presente de Deus para nossa vida. Para isso nossa maneira de pensar é determinante. Ter o espírito jovem, isto é, ver em tudo uma possibilidade de ser alegre e feliz. O jovem canta a alegria de viver. Mesmo um acontecimento triste, ele é capaz de extrair boas lições para a vida. Assim nem as doenças o alcançam, pois está no vigor da vida, independente da idade. Bom dia e Bom trabalho! (Reflexão feita por Jose Irineu Neneve).

Bom Dia!
(23 anos)

Publicado por: José Irineu Nenevê | 11/07/2019

Ano X – 11/jul

“Ora et labora” (Reze e trabalhe) (São Bento, religioso italiano fundador da ordem dos Beneditinos, 480-547).

“Que em tudo seja Deus glorificado” (idem). Diante da desordem que havia em sua época, São Bento se refugia em uma gruta nas montanhas da Úmbria para rezar. Esta maneira de viver atraiu outros jovens que também sentiam a necessidade de buscar a Deus em seu íntimo. Foi aí que nasceu o Mosteiro do Monte Cassino. Na vivência da oração e do trabalho, começaram também a ensinar as técnicas de agricultura para os camponeses que buscavam seus ensinamentos. Para relembrar o lema de São Bento foi cunhada uma medalha, com inscrições em latim que assim significam; Na frente da medalha são apresentados uma cruz e entre seus braços estão gravadas as letras C S P B, cujo significado é, do latim: Cruz Sancti Patris Benedicti – “Cruz do Santo Pai Bento”. Na haste vertical da cruz lêem-se as iniciais C S S M L: Crux Sacra Sit Mihi Lux – “A cruz sagrada seja minha luz”. Na haste horizontal lêem-se as iniciais N D S M D: Non Draco Sit Mihi Dux – “Não seja o dragão meu guia”. No alto da cruz está gravada a palavra PAX (“Paz”), que é lema da Ordem de São Bento. Às vezes, PAX é substituído pelo monograma de Cristo: I H S. A partir da direita de PAX estão as iniciais: V R S N S M V: Vade Retro Sátana Nunquam Suade Mihi Vana – “Retira-te, satanás, nunca me aconselhes coisas vãs!” e S M Q L I V B: Sunt Mala Quae Libas Ipse Venena Bibas – “É mau o que me ofereces, bebe tu mesmo os teus venenos!”. Nas costas da medalha está São Bento, segurando na mão esquerda o livro da Regra que escreveu para os monges e, na outra mão, a cruz. Ao redor do Santo lê-se a seguinte jaculatória ou prece: EIUS – IN – OBITU – NRO – PRAESENTIA – MUNIAMUR – “Sejamos confortados pela presença de São Bento na hora de nossa morte”. É representado também a imagem de um cálice do qual sai uma serpente e um corvo com um pedaço de pão no bico, lembrando as duas tentativas de envenenamento. (fonte: Mosteiro de São Bento). Bom dia e Bom trabalho! (Reflexão feita por Jose Irineu Neneve).

Bom Dia!
(23 anos)

Publicado por: José Irineu Nenevê | 10/07/2019

Ano X – 10/jul

“Aquele que começa a amar deve estar pronto para sofrer” (Santo Padre Pio, franciscano capuchinho italiano, 1887-1968).

A palavra AMOR é tão profunda de significados que só deveria ser pronunciada depois de uma oração. Em grego a palavra amor se desdobra em quatro principais. Eros, que vincula o amor físico, desejo sexual, que dá origem ao “erótico”. Philia, o amor humano, ternura, amizade, regozijar-se, lida com as emoções. Storge, que se refere ao afeto familiar entre parentes que se amam, pai e filhos, irmãos do mesmo sangue. Ágape é o amor universal entre todos, amor a Deus e amor ao próximo, também entendido como “caridade”. Sentimentos, emoções e vontade se unem nesta forma de amar. Mas Padre Pio quando se aprofunda na arte de amar encontra “Deus amou tanto que deu o seu próprio filho” que nos resgata pelo sacrifício da cruz. Se identifica neste amor e recebe de Jesus os estigmas em seu corpo. Madre Tereza diz que devemos “amar até que doa”. São Francisco chorava ao lembrar que o “amor não é amado”. Assim amor é muito maior do que possamos imaginar. É uma busca pessoal de quem ama. Bom dia e Bom trabalho! (Reflexão feita por Jose Irineu Neneve).

Bom Dia!
(23 anos)

Publicado por: José Irineu Nenevê | 09/07/2019

Ano X – 09/jul

 “É muito ruim ter um lobo preso pelas orelhas, porque você não sabe como libertá-lo ou como vai continuar segurando” (Publio Terencio Afer, dramaturgo e poeta romano, 195 AC-159 AC).

Quem não controla seu instinto, acaba sendo controlado. O lobo é um animal selvagem que muito se assemelha ao cão doméstico. Mas em comportamento são bem diferentes. Muitas vezes estes dois animais representam nossos instintos, ora ferozes como os lobos e ora pacíficos como os cães. Os lobos enquanto em suas matilhas, respeitam a hierarquia e controlam seus instintos, pois sua maior força está na organização do grupo. Cada um sabe o seu papel em cada atividade. Se um falhar, pode comprometer toda a operação. Manter este nosso instinto de lobo sobre controle é fundamental para a convivência social. De certa forma isso é responsável pela paz. A agressividade é necessária quando está em risco a segurança da família ou do grupo. Muitas vezes só a postura já afasta possíveis ameaças. Com o cão doméstico aconteceu algo engraçado. O normal seria a convivência pacífica na família, respeitando cada um o seu papel, tendo a liderança do “alfa” da casa na organização do espaço. Mas alguns “humanos” abriram mão de seu papel e passaram a serem guiados pelos cães, e estes determinam o roteiro dos passeios, o domínio do espaço no lar, o horário da alimentação e etc. Neste caso o “humano” passou a ser submisso, gerando uma frustração para si e para o amigo cão, que esperava ser orientado e conduzido para se sentir seguro. Nossa decisão vai determinar se seremos líderes ou submissos. Bom dia e Bom trabalho! (Reflexão feita por Jose Irineu Neneve).

Bom Dia!
(23 anos)

Publicado por: José Irineu Nenevê | 08/07/2019

Ano X – 08/jul

“Mesmo estando na estrada certa, você será atropelado se ficar apenas sentado nela” (William Penn Adair Will Rogers, ator e comediante norte-americano, 1879-1935).

Quem quer faz, quem não quer adia. Jesus nos ensinou (Mt 7,21): “Nem todo aquele que me diz: ‘Senhor, Senhor’, entrará no Reino dos céus, mas apenas aquele que faz a vontade de meu Pai que está nos céus”, ou seja, apenas dizer que ama a Deus e não praticar seus ensinamentos, de nada adianta. Temos agir, sair do comodismo, fazer o quanto antes. Nada acontece sem que seja dado “o primeiro passo”. Por mais penosa que seja a atividade, se não começar, nunca termina. Desculpa sempre terá; “já estou no caminho certo” etc. “Vou fazer amanhã”, tudo é desculpa para adiar e não fazer. Um simples ato de secar a louça, ou arrumar a cama, ou tirar o lixo, nada acontece sozinho, alguém tem que ter a iniciativa. Faça enquanto tem tempo e saúde, senão tudo passa e você ficará apenas lamentando. Bom dia e Bom trabalho! (Reflexão feita por Jose Irineu Neneve).

Bom Dia!
(23 anos)

Publicado por: José Irineu Nenevê | 05/07/2019

Ano X – 05/jul

“Sim, rodeia-me uma malta de cães, cerca-me um bando de malfeitores” (Salmo 21, 17) (Hebr. 22, 17).

A palavra “malta” traduz a ideia de um grupo de baixa condição, ralé, escória. Assim os cães citados no salmo são mais parecidos com lobos que atacam por seu instinto de caçador. Uma pessoa encurralada por um grupo de cães furiosos fica indefesa. Semelhante é a pessoa estar cercada por um grupo de malfeitores, pessoas com intenções criminosas. É assim que se sente o salmista ao descrever seu estado de abandono, diante do ataque de “acusadores”. Jesus cita o início deste salmo quando pregado na cruz; “meu Deus, por que me abandonaste?”, não para reclamar de Deus, mas para mostrar que quem se voltou contra nós nos acusando, foi derrotado pela cruz de Jesus, ou seja, seu sacrifício nos resgata. (Apocalipse 12,10). Ações semelhantes acontecem sempre. Um juiz sendo encurralado por malta de criminosos é um exemplo. Mesmo quando fizemos o que podíamos e mesmo assim continuam nos acusando, então nosso olhar se volta para cruz de Cristo na confiança que a força de Deus e o poder de Cristo estarão ao nosso lado.  Bom dia e Bom trabalho! (Reflexão feita por Jose Irineu Neneve).

Bom Dia!
(23 anos)

Publicado por: José Irineu Nenevê | 04/07/2019

Ano X – 04/jul

 “Me afeta qualquer ameaça contra o homem, contra a família e a nação. Ameaças sempre têm sua origem em nossa fraqueza humana, no modo superficial de considerar a vida” (Papa João Paulo II, pontífice católico de origem polonesa, 1920-2005).

São inúmeras as ameaças que existem, penso que a pior delas é contra a vida humana. Ameaça é um crime previsto no código penal brasileiro no artigo 147. Quem ameaça quer causar pânico e se diverte com isso, o que demonstra um distúrbio mental. A fraqueza humana usa a ameaça para intimidar por falta de amor. Pela “lei do retorno” a ameaça que se faz contra alguém, acaba voltando contra a si mesmo. Se você for ameaçado, antes de entrar em pânico, procure rapidamente controlar a situação, para ter calma na hora de agir com sabedoria. “Se Deus é por nós, quem será contra nós” (Romanos 8, 31).  Bom dia e Bom trabalho! (Reflexão feita por Jose Irineu Neneve).

Bom Dia!
(23 anos)

Publicado por: José Irineu Nenevê | 03/07/2019

Ano X – 03/jul

 “Pode ser um herói tanto o que triunfa como aquele que sucumbe, mas nunca quem abandona o combate” (Thomas Carlyle, historiador, pensador e ensaísta inglês, 1795-1881).

A força do combatente está em sua garra. Em termo militar o combate é um confronto, ou uma luta entre grupos em uma batalha. Pode ser também entre indivíduos armados ou não. Num combate se defende posições frente a um oponente. Nem sempre ambos querem lutar, pois às vezes apenas precisa se defender de um ataque. Abandonar sem oferecer resistência pode ser muito pior porque o seu “inimigo” pode fazer o que quiser, pois agora se sente mais forte. Até os pequenos insetos se defendem quando atacados, pois por natureza precisam defender o grupo para preservar a espécie. Quem precisa se defender usa de artifícios conforme a necessidade. Contam que Arquimedes criou grandes espelhos parabólicos para refletir o sol e queimar a frota Romana que queria invadir Siracusa, na segunda guerra púnica. Apenas um exemplo de criatividade na defesa. De certa forma, todos os dias nós enfrentamos diversos combates, nem sempre com oponentes físicos, às vezes temos que vencer a nós mesmos, vencendo o comodismo, doenças, as intempéries do tempo, etc. sempre buscando seguir em frente, nunca desistindo. Tua fé te faz mais forte para vencer. Bom dia e Bom trabalho! (Reflexão feita por Jose Irineu Neneve).

Bom Dia!
(23 anos)

Older Posts »

Categorias